Encerrado Carnaval Retrôfolia em Luís Eduardo Magalhães




O segundo dia de Carnaval Retrô, 10 de fevereiro, iniciou às 20h na Praça Alvim Motta em Luís Eduardo Magalhães. Em um clima animado e familiar, a Banda Municipal Guerreiros do oeste, inspirada no estilo do Olodum, abriu a noite com batuques e gingados instrumentais. O Grupo de Dança Cultural exibiu passos e ritmos com muita destreza de acordo com o ritmo da Fanfarra.


Em seguida o grupo Tira o Pé da Brasa apresentou muita dança e movimento. O Conjunto Musical Reginaldo e os Anéis de Saturno do município vizinho, Barreiras, tocaram novamente muito Frevo e Marchinha. Os bonecos de Olinda animaram os foliões e despertavam a curiosidade das crianças com danças engraçadas, rebolados diferentes e trapalhadas.

Jucileide uma personagem feminina de palco interpretada por um homem, era a animadora de palco, uma mistura engraçada e divertida de Tiririca com Mara Maravilha. Conduziu uma competição de dança de Axé com duas foliãs. Em um segundo momento a Secretária de Cultura Jane Schlosser falou sobre as intenções do Projeto Retrôfolia e agradeceu a equipe da Secretaria de Cultura e Turismo pelo empenho e dedicação na produção do evento.

Carnaval da família

Em um ambiente dançante as famílias aproveitaram o momento de alegria. Constantino Bezerra,43, trouxe suas duas filhas e esposa para conhecerem a festa, “a gente ia ficar em casa, na fazenda, mas as meninas souberam que tinha festa de fantasia quiseram vir”, conta o agricultor gesticulando os dedos indicadores em ritmo de marchinha.

O inspetor da Guarda Municipal Valdivino Alves, 45, descreveu o último dia de Retrôfolia como calmo e sem nenhum tipo de alteração por parte dos foliões. Em nenhum momento dos dois dias de folia houve a necessidade do uso da força, nem algum tipo de exaltação por parte dos foliões.

O ponto de apoio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência-SAMU, realizou procedimentos de atendimentos leves, explica a Técnica em Enfermagem, Charlene Jesus,30, “está calmo fizemos apenas uma medição de pressão”, diz a técnica.

Valorização do artista

A Secretaria de Cultura e Turismo envolveu escolas e grupos de alunos da rede municipal de ensino. De acordo com Vilma Frietrich, Gerente de Cultura, a intenção é cada vez envolver mais os alunos, “ é na escola que descobrimos talentos, temos o dever de valorizar o artista local”, comenta.

Os enfeites do Retrôfolia foram criados, a partir de garrafa pet usadas. Houve o apoio do Projeto Calliandra, que ajudou com mão de obra e emprestou algumas máquinas de costura. Vilma destaca que a comunidade está animada com este tipo de evento.

Em conversa com algumas mães presentes, ela conta que estão preparando para o ano de 2014, um concurso de fantasia. “Encontrei uma mãe e ela pediu se não iríamos fazer uma matinê para os pequeninos”, diz a gerente de cultura ao falar sobre o objetivo alcançado do Retrôfolia neste ano.

Retrôfolia 2014

A equipe da Secretaria de Cultura e Turismo, afirma que o Retrôfolia foi positivo. Jane Schlosser ,destaca que todos envolvidos estão de parabéns, “O Prefeito Humberto Santa Cruz, nos apoiou nesta iniciativa e tenho certeza que para ano que vêm as proporções serão maiores.

Vamos junto com o Governo Municipal fazer do Retrôfolia um costume na cidade”, ressalta a Secretária sobre a futuro do Projeto.

A festa neste domingo durou até altas horas com a Banda Muleke Travesso fazendo muito som, dança com foliões alegres e entusiasmados. A telefonista, Paula Dummel, 22, gostou da festa e ano que vêm pretende vir novamente, “é o segundo ano que passo Carnaval em Luís Eduardo Magalhães, ano passado não tivemos nenhum atrativo na cidade, mas este ano eu gostei por ser diferente”, explica a moradora do bairro Mimoso II.

A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães agradece a comunidade, por prestigiar e valorizar o Retrôfolia. Uma iniciativa de valorização do cidadão do município. Aguardem ano que vêm tem mais Retrôfolia.

Fonte Ascom PMLEM

Proxima Proxima
Anterior Anterior

Lojas Dubelo - Promoção

Lojas Dubelo - Promoção