Paratinga

Para informações e matrículas: (77) 99997-8580

Oeste baiano

Bahia

Brasil

Futebol

Faça sua Pós Graduação à distância - MatrículaS: (77) 99997-8580

Quer alavancar seu crescimento profissional? Com os nossos cursos de Pós-Graduação EAD você adquire o conhecimento que precisa para ser o profissional que o mercado busca! E ainda com flexibilidade de horário! Aproveite nossos cursos a partir de R$ 95,00* por mês! Nas áreas de SAÚDE, EDUCAÇÃO, SOCIAL, EMPRESARIAL, MBA, JURÍDICO E TEOLOGIA. Diploma com mesmo valor de ensino presencial. Cursos Reconhecidos pelo MEC. Garanta já sua vaga! Matricule-se agora! A instituição responsável é o Instituto Pró Saber, que mantém um convênio de apoio logístico e operacional com a UCAM – Universidade Cândido Mendes, para oferta de cursos de Pós-Graduação Lato Sensus, Extensão e Aperfeiçoamento com o melhor preço de mercado e na modalidade 100% EAD, o Instituto Pró Saber está localizado na cidade de Feira de Santana – BA. Para informações e matrícula: (77) 99997-8580 (77)98814-4014.
, Unlabelled

30 de Abril - dia do Ferroviário


ferroviário contribui para o funcionamento do complexo sistema de transportes que é a rede de trens. O mais famoso cargo, e o que mais rapidamente nos vem à cabeça, é o de maquinista - o "motorista", que comanda o trem. Mas ainda há muitas pessoas importantes envolvidas, e todas elas merecem nossa comemoração no dia de hoje.

Para começar, é preciso lembrar que o ferroviário pode atuar em vários tipos de trens: urbanos, turísticos, de carga.

Como sistema de transporte de pessoas ou carga, os trens representam uma opção mais barata, porém insuficientemente explorada no nosso país. Seu custo é bem menor do que o rodoviário, pois os trens são movidos a diesel ou a eletricidade.

Segundo a Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF), em apenas cinco anos houve um investimento de mais de 1 bilhão de reais no aumento da produção. Além disto, foi reduzido em 50% o índice de acidentes e foram gerados 15 mil novos empregos na indústria ferroviária.

HISTÓRIAS DO TREM NO BRASIL

A primeira estrada de ferro do Brasil foi a Estrada de Ferro Petrópolis, inaugurada em 30 de abril de 1854. Era conhecida também como Estrada de Ferro Mauá, já que foi construída graças ao patrocínio do Barão de Mauá na empreitada: ligar a Praia da Estrela, na Baía da Guanabara, à raiz da Serra de Petrópolis. Já a locomotiva, trazida da Inglaterra, era homenagem à esposa do Barão de Mauá. Chamava-se "Baroneza" (com 'z' mesmo, por causa da grafia antiga).

Foi criada ainda no mesmo século outra estrada de ferro, no Rio de Janeiro, tendo em vista o desenvolvimento da região. Chamava-se Estrada de Ferro D. Pedro II, mas mudou o nome para Estrada de Ferro Central do Brasil após a Proclamação da República, em 1889. Sua principal função era integrar as áreas urbanas que não paravam de crescer, devido à chegada de imigrantes, libertação dos escravos e crise da lavoura canavieira. A Central do Brasil foi se estendendo e, com o tempo, serviu também para ligar o subúrbio ao centro da cidade do Rio de Janeiro.

A Estrada de Ferro do Corcovado, inaugurada em 1884, é mais um exemplo de investimento no transporte da moda do século XIX. Esta via tão antiga tem história: durante quatro anos consecutivos, transportou as peças do Cristo Redentor; recebeu passageiros ilustres como Dom Pedro II (que inaugurou a Estrada de Ferro), o secretário de Estado do Vaticano, Eugênio Pacelli (que veio a ser o Papa Pio XVII), os ex-presidentes Getúlio Vargas e Epitácio Pessoa, o Papa João Paulo II, o cientista Albert Einstein e a princesa Diana. Foi conduzido até por Santos Dumont, freqüentador assíduo que sempre dava generosas gorjetas.

Fonte: Portal São Francisco
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Saiba mais sobre as Pós Graduações do Instituto Pró Saber

Matrículas: (77) 99997-8580 ou (77)98814-4014

Lojas Dubelo

Lojas Dubelo

SUPERMAIS

CONSTRUVALE

Mais lidas do mês