Oeste baiano: PM prende vovô estelionatário e homicida em São Felix do Coribe


A Polícia Militar de São Félix do Coribe, Oeste da Bahia, conduziu até a Delegacia de Polícia, João Xavier Prates para prestar depoimento sobre um furto de uma máquina de caldo de cana. O dono da máquina, que pediu pra não se identificar, informou que um homem teria levado sua máquina de caldo de cana.

Passados 45 dias, o proprietário da máquina reconheceu o homem que teria furtado seu equipamento e avisou a PM sobre o paradeiro do suposto ladrão.

Após ser detido, o acusado foi encaminhado a Depol e ao ser revistado foi encontrado em seu poder diversos documentos adulterados, entre eles carteira de trabalho, carteira de identidade, CPF, Ficha de filiação partidária e um Termo de Ocupação e Posse de uma propriedade rural na Fazenda Fechadinha, localizada no município de Serra do Ramalho, também no Oeste do Estado.

Todos esses documentos estavam com o nome de Manoel Pereira Prates porém, portavam a foto de João Colada. Tinha também uma CNH em nome de Wilson Francisco Rodrigues, também com uma foto rusticamente colada. Ao ser perguntado quem era Manoel, João respondeu que era seu irmão que já faleceu e que o mesmo se passava por ele para receber alguns benefícios. Não contente com o depoimento do acusado, o investigador da Polícia Civil descobriu que João tinha um mandado de prisão em aberto por homicídio, onde o mesmo teria vendido umas terras que não existiam e a vítima, ao cobrar o dinheiro de volta, foi assassinado com golpes de foice.

O vovô estelionatário e assassino agora está custodiado e responderá por estelionato (art 171), falsidade ideológica (art 299), falsificação de documento público (art 297) além do homicídio (art 121).

Informações e foto do portal www.cotidianopolicial.com
Proxima Proxima
Anterior Anterior

Lojas Dubelo - Promoção

Lojas Dubelo - Promoção