Dia do Brocador: com procissão e ‘feriado’, Hernane volta à terra natal


Dia de São Brocador da Bahia. Bom Jesus da Lapa é conhecida por abrigar, em agosto, uma das maiores romarias do Brasil em homenagem ao padroeiro que dá nome ao local. Nesta quarta-feira, porém, foi dia de parar para reverenciar um "santo" da terra. Filho mais ilustre da cidade do Oeste baiano, Hernane voltou. E voltou em grande estilo. Com 36 gols e o título da Copa do Brasil em 2013, o atacante do Flamengo parou o comércio e decretou praticamente um feriado no município. Após maratona de 12 horas, que incluiu dois voos e quase 400 km de estrada, o ídolo encarou um desfile em carro aberto de meia hora, que virou uma verdadeira procissão com buzinaço de motos.

Ainda na estrada que dá acesso a cidade, Hernane desceu do carro e se posicionou em um local onde pudesse ser visto a longa distância. Quase que instantaneamente mais de uma centena de motos cercou o veículo e começou a acompanha-lo até o centro da cidade. Em determinado momento, um carro de som passou a puxar a comitiva, com direito a hino do Flamengo e anúncios seguidos da presença do rubro-negro.

- O Brocador voltou, meu povo. O filho mais ilustre de Bom Jesus da Lapa está na nossa terra. Aqui, não importa time, vamos celebrar a presença de Hernane. Como já me disse um amigo, se ele jogasse pela Argentina, torceríamos para ele na Copa – bradava o responsável pelo microfone.


Ao chegar no centro da cidade, Hernane parou o comércio. Fosse de lojas ou sacadas de casas, todo mundo queria acenar para o maior goleador do Brasil no ano. O sorriso praticamente não saia de seu rosto e o braço não abaixava diante dos pedidos de acenos e fotos. Após passar pela igreja do padroeiro da cidade, o Brocador, enfim, voltou para o hotel onde ficará hospedado para ter privacidade e descansar após uma viagem que começou às 2h da madrugada em São Paulo e passou por Salvador e Vitória da Conquista.

- Sem dúvidas foi acima do que eu esperava. Acho que essa recepção foi a mesma coisa do Maracanã no dia do título. Esperava que teria, mas não tanto assim. Fiquei até surpreso e muito feliz. Estava um pouco cansado e não deixei de ir lá. A partir do momento que vi essa galera, tinha que dar essa volta com eles e agradecer.
O momento de maior emoção para Hernane foi ao ouvir a música “Roda Gigante”, da banda baiana Black Style. Foi esta canção que o artilheiro pediu para ouvir no “Fantástico” ao marcar três gols diante do Botafogo, pela Copa do Brasil, e a definiu como exemplo de sua vida.

- Na hora que tocou aquela música, me emocionou. Mexe muito comigo por ter muito a ver com a minha infância.

Desde que entrou de férias, no domingo, Hernane tem cumprido uma agenda lotada de compromissos. Em São Paulo, onde moram a mãe e os irmãos, o atacante se dividiu entre matar a saudade da família e receber prêmios pela temporada com a camisa do Flamengo. Ao todo, foram quatro troféus em dois dias. Em Bom Jesus até a manhã de sexta, o Brocador retorna a São Paulo e segue no domingo para curtir um período nos EUA. Fonte: globoesporte.com, fotos Cahê Mota.
Proxima Proxima
Anterior Anterior

Lojas Dubelo - Promoção

Lojas Dubelo - Promoção