Hit "Muriçoca" bomba na justiça pela autoria


O hit é novo, mas já está presente nas baladas, nos bares, nas ruas e até na boca da galera. Da criança ao idoso, a letra está na ponta da língua de todos, a coreografia então, nem se fala, são diversas. Tem até desafios nas redes sociais de quem é capaz de dançar a música “Muriçoca” e publicar para todo o mundo ver.
 
O hit do momento, que por sinal foi cantada por diversos artistas no Carnaval de Salvador 2015, está envolvido em uma enorme polêmica: a briga pela autoria. E por isso, na manhã desta terça-feira (03), o cantor e autor da música, Ermínio Félix, procurou o Bocão News para denunciar a banda “O Rei da Cacimbinha”. Segundo Ermínio, o cantor da banda citada já vem há alguns meses levando os hits dele para seus shows, tanto na cidade de Vitória da Conquista, de onde originou a banda, como pelas cidades por onde passa: “Inclusive ele se apresentou em programas de TV aqui de Salvador e na oportunidade citou a música “Muriçoca” como dele”, contou o cantor.

Ambas as bandas seguem o estilo dos “Mamonas Assassinas” e por isso são sempre confundidas, porém, Ermínio garante que o “bonde do Serrote” sempre seguiu sua linha, independente do seu “concorrente” que sempre se preocupou em cantar as músicas do vocalista Ermínio, que há cinco anos vem compondo músicas estouradas nas redes sociais, estas nunca antes registradas.

 “Ele é um grande compositor, inclusive de músicas com bastante humor. O erro foi em nunca ter registrado suas músicas, já que diz não ter se preocupado com a possível apropriação e registro pela autoria. Agora vamos correr atrás do prejuízo, pois a “Muriçoca” é do Ermínio e o sucesso está sendo reconhecido pelo “O Rei da Cacimbinha” que registrou a música como deles, quando na verdade isso é um crime no qual provaremos”, adiantou o criminalista da banda “Bonde do Serrote”, Rogério Matos. 

Matos adiantou que, diante da situação, o artista Ermínio contratou seu serviço como advogado para requerer seus direitos como autor da música e reconhecimento: “Será movida uma ação na tarde de hoje, e, diante das provas apresentadas por Erminio, tudo leva a crer que o Rei da Cacimbinha registrou a múscia em seu nome. Pediremos via liminar a retirada do vídeo de “O Rei da Cacimbinha” do canal do YouTube, a reativação do canal do Bonde do Serrote” e, em sede de Sentença, o reconhecimento da autoria para o Ermínio Felix".

Concluindo a denúncia, Ermínio contou que o empresário da banda “O Rei da Cacimbinha” tentou contratar seus serviços de há um tempo, porém o artista recusou, uma vez que ele tem seu próprio trabalho: “Com isso, o empresário da banda contratou outro cantor, o João Falcão, onde este começou a gravar os meus sucessos, dentre eles o polêmico e famoso hit, “Muriçoca”. Acredito que isso pode ter soado com uma certa "vingança", concluiu o cantor. (Amanda Sant'ana).
Proxima Proxima
Anterior Anterior

Destaque

Paratinga não sai do zero a zero com São Desidério em casa pelo grupo 13 do Intermunicipal

Pela segunda rodada do Intermunicipal 2017, Paratinga enfrentou a seleção de São Desiderio pelo grupo 13....