Mãe de Rogê, que foi atingida por dois tiros ao tentar impedir a morte do filho, não resiste e falece em hospital


A mãe do Cigano Rogê, Tereza da Silva Brito, de 65 anos, ferida em atentado à bala na manhã desta quarta-feira (22), morreu às 19h18 no Hospital Regional de Ibotirama. 

A Senhora ficou ferida devido ao atentado que resultou na morte do seu filho, em frente à residência. 

Ela foi atingida nas nádegas e no pescoço. A babá também foi atingida e encaminhada ao Hospital do Oeste, em Barreiras. Um bebê levou um tiro de raspão e não corre risco de morte. 

O corpo da Senhora Tereza foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Barreiras, para onde já havia sido enviado o corpo do filho Rogê. (Blog do Sigi Vilares).
Proxima Proxima
Anterior Anterior

Lojas Dubelo - Promoção

Lojas Dubelo - Promoção