População de Bom Jesus da Lapa faz manifestação reivindicando audiência pública


A população da cidade de Bom Jesus da Lapa, no Oeste da Bahia, município turístico da margem do Rio São Francisco, foram ontem (09), as ruas para cobrar das autoridades mais segurança para população e aos turistas que visitam o Santuário do Bom Jesus.

A cidade, vem aumentando o número de casos de violências nos últimos dias. O prefeito, Eures Ribeiro(PSD), reuniu-se no mês passado em Salvador, com o Secretário de Segurança pública, Maurício Barbosa, para solicitar providências contra a situação.
O movimento aconteceu pela manhã, e foi organizado pela, Loja Maçônica, Igreja Católica, Evangélica, Espírita, CDL e várias entidades que a participação de cerca de 5 mil pessoas e vários representantes políticos.

A noite aconteceu uma audiência pública, na Câmara Municipal, com a presença de
Várias autoridades, civis e militares, o presidente da câmara Miguel Lelis fraqueio a palavra e vários cidadãos fizeram suas reivindicações, que foram respondidas pelas autoridade presentes.

Dentre as reivindicações da população, destacam: ”A falta de Juiz e Promotor titular, aumento do efetivo civil e militar, da frota, inteligência, construção de unidade prisional, monitoramento por câmara, palestras nas escolas e outros”.

Acontece que segurança pública no Brasil, a mais de 500 anos, utiliza esses mesmos 
métodos falidos, e a violência só faz aumentar.

A única ação, capaz de reduzir a violência em mais de 90%, é a extinção definitiva da moeda em espécie, e a implementação na sua totalidade da moeda “Virtual, digital eletrônica”, de forma gradativa num período máximo de um ano, seria extintas as operações de saque e depósito, só permitindo a transferência eletrônica com o cartão magnético que e for roubado não funciona com terceiros, só com o titular.

Vários países, já começaram a contagem regressiva para acabar com a moeda em espécie, no Brasil o Banco Itaú já tem suas operações quase todas de forma “virtual digital”, basta somente uma resolução do Banco Central, e nós iremos viver em um país com menos violência, cabe agora a população cobrar das autoridades mais pressa, a solução para a violência existe.

A implementação da moeda virtual na sua totalidade, irá resolver muitos problemas no país, começando pela prática de corrupção, sonegação fiscal, contrabando, roubos diversos, inclusive de Bancos, pois sem a moeda em espécie, não teríamos, dinheiro na cueca, na calcinha, na meia e nem explosão de agências bancárias. (Eniédson Ferreira – Jornalista – DRT- 4897/BA).  
Proxima Proxima
Anterior Anterior

Lojas Dubelo - Promoção

Lojas Dubelo - Promoção