Mortes por acidentes de trânsito caem 17% na Bahia em um ano


O Ministério da Saúde apontou uma redução de 17% no número de mortes em decorrência de acidentes de trânsito na Bahia. De acordo com dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), foram registrados 2.737 óbitos em 2014, contra 2.265 em 2015.

O estado está em terceiro no ranking de queda no índice, atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro. Em todo o Brasil, o número de mortes relacionadas a acidentes de trânsito sofreu queda de 11%. O ministério apontou a efetividade das ações de fiscalização após a lei seca como possível causa da redução, assim como a desaceleração da economia.

"Além de mudar os hábitos dos brasileiros, a lei trouxe um maior rigor na punição e no bolso de quem a desobedece", pontuou a pasta. "A desaceleração da economia também pode ter contribuído. De 2014 para 2015, o aumento da frota de veículos automotivos no país foi de 4,6%, bem abaixo do registrado de 2010 a 2015, quando a frota total de veículos triplicou.  A municipalização do trânsito, que é a integração do município ao Sistema Nacional de Trânsito (SNT), também tem papel fundamental nessa redução, já que, com a responsabilidade passando a ser local, as cidades podem criar órgãos executivos de trânsito. Os municípios que adotaram essa estratégia houve maior redução do número de óbitos por acidentes de trânsito", acrescentou.


No mesmo período, as internações em decorrência de acidentes de trânsito também apresentaram queda em todo o país. Foram 1.018 internações a menos em comparação com o ano de 2014. (Bahia Notícias).
Proxima Proxima
Anterior Anterior

Destaque

Página Paratinga Sucesso faz importante denúncia sobre o preço absurdo da gasolina na cidade

Gasolina de Paratinga é a mais cara do Brasil. Empresas de combustíveis de Paratinga vendem gasolina acima do preço de outras c...